SC Covilhã 0 FC Penafiel 0
Sábado, 06 Outubro 2018 00:00

Rick Sena pressionado por Luís Dias

O Sporting Clube da Covilhã elevou para quatro o número de jogos consecutivos sem conseguir vencer na Ledman LigaPro, embora nesta jornada tenha alcançado um ponto, resultante do nulo registado na recepção ao Futebol Clube de Penafiel, isto, numa partida sem demasiados motivos de interesse.

O conjunto covilhanense apresentou-se em campo com Vítor São Bento na baliza, acompanhado na defensiva por Gilberto, Jaime Simões, João Cunha e Henrique Gomes, com o meio campo ocupado por Rafael Vieira, Caio Quiroga e Makouta, ficando o ataque entregue a Adriano Castanheira, Rick Sena e Onyeka. A fase inicial da partida revelou uma formação forasteira com uma postura mais atacante, assumindo a maior parte das iniciativas de jogo, porém, sem conseguir elaborar lances de perigo junto das redes locais, visto que a defensiva serrana demonstrou sempre muita atenção. Do lado dos comandados de Dito, o foco estava ligado para as acções de contra ataque, como aconteceu aos 11 minutos, em que Adriano tentou surpreender o guardião José Costa com um remate inesperado. Depois de tanto procurar a área contrária, somente aos 26 minutos é que o Penafiel assinou uma jogada digna de registo, pois, Ludovic surgiu em boa posição e atirou para uma intervenção eficaz do guarda-redes São Bento. Os momentos finais da primeira parte foram mais movimentados e a emoção cresceu, com Rick Sena a rematar para uma grande defesa de José Costa, respondendo o experiente Pires com um desvio contra um defensor local na pequena área.

Makouta procura escapar a Tiago Ronaldo

Na etapa complementar, o Covilhã teve uma forte entrada e ameaçou inaugurar o marcador logo aos 46 minutos, quando o remate de Makouta sofreu um desvio num defesa penafidelense e foi directo ao poste da baliza visitante. Volvidos alguns minutos, os serranos voltaram a criar perigo, agora com Rick Sena a acertar nas malhas laterais após um cruzamento de Makouta. A pouco e pouco, o Penafiel equilibrou a partida, no entanto, foi novamente o emblema covilhanense a estar perto do golo aos 67 minutos, quando na sequência de uma jogada confusa, a bola sobrou para Onyeka rematar para boa intervenção de José Costa. Com as substituições operadas pelo treinador Armando Evangelista, os penafidelenses voltaram a tomar conta do encontro e a redonda passou a rondar mais a baliza anfitriã, como num remate ao lado rubricado por Vasco Braga e num cabeceamento por alto de Luís Pedro. A derradeira tentativa dos visitantes conquistarem os três pontos aconteceu aos 88 minutos, com Yuri a atirar de longe para defesa segura de São Bento, que assim garantiu o 0-0 como resultado final, selado com o último apito do árbitro Manuel Mota. Com esta igualdade, o Sporting da Covilhã permanece na zona baixa da tabela classificativa, somando apenas um ponto nas derradeiras quatro jornadas, resultante de um empate e três derrotas, desejando-se que possa vencer quando regressar o campeonato, que vai estar parado nos próximos dois fins de semana.

Texto: Eugénio Lopes.

Fotografias: Filipe Pinto - Foto Académica.

Ficha de Jogo: http://ligaportugal.pt/pt/liga/jogo/20182019/ledmanligapro/6/3

Actualizado em Segunda, 08 Outubro 2018 08:57
 

Comentar


Livro História SCC
.
fa

Livro História do Sporting Clube da Covilhã 1923-1990 disponível para aquisição na Foto Académica, localizada nas Escadas do Quebra Costas n.º 2 - Covilhã

ATLETAS
JOGADORES DE A a Z:
TREINADORES
OUTRAS FIGURAS
ENTREVISTAS
EVENTOS
CONTACTOS
OUTROS
REDES SOCIAIS

face

SPONSOR

Gigarte - Design e Comunicação

ESTATÍSTICA
Visualizações de conteúdos : 1520456