FC Paços de Ferreira 3 SC Covilhã 0
Domingo, 23 Setembro 2018 00:00

O Sporting Clube da Covilhã sofreu nesta jornada a terceira derrota consecutiva na Ledman LigaPro, desta vez no terreno do Futebol Clube de Paços de Ferreira, num jogo em que os locais já venciam por duas bolas de diferença no final do primeiro quarto de hora, deixando as cores serranas em maus lençóis desde bem cedo.

A formação nortenha teve um começo muito forte e conseguiu inaugurar o marcador aos 10 minutos por intermédio do goleador Luiz Phellype, que atirou certeiro após um cruzamento de Bruno Teles. O Paços de Ferreira continuou em bom plano e não demorou a aumentar a contagem, algo que se verificou aos 14 minutos, quando Wagner rematou com êxito na sequência de um passe efectuado por Bruno Santos. E a vantagem local só não foi maior porque Vítor São Bento realizou uma boa defesa aos 18 minutos, impedindo o sucesso da acção de Pedrinho. Somente a meio da primeira parte é que o Covilhã deu sinal de inconformismo, com Gilberto a proporcionar uma bela intervenção ao guarda-redes Ricardo Ribeiro. A partida caminhou para uma fase mais calma, embora com a equipa visitante mais apontada ao ataque, numa tentativa de ainda sonhar com um resultado positivo, estando perto de reduzir a contagem aos 45 minutos, quando Jaime Simões cabeceou para nova defesa de Ricardo Ribeiro. Ao intervalo: 2-0.

No segundo tempo, os comandados de Dito permaneceram com a ideia de inverter o rumo dos acontecimentos, mas não descobriram forma de alcançar um golo, como aconteceu aos 47 minutos, em que Adriano Castanheira chegou um pouco atrasado ao prometedor cruzamento de Kisley. O Paços de Ferreira revelava-se confortável com a margem de dois tentos a favor, no entanto, estando sempre atento ao contra ataque com a perspectiva de novos festejos. Na baliza local, Ricardo Ribeiro esteve em grande plano sempre que foi chamado a jogo, como por exemplo aos 65 minutos, em que defendeu o remate de Makouta. O encontro foi evoluindo sem mais alterações no marcador, até que aos 90+2 minutos as contas foram mesmo encerradas pelo ganês Ayongo, que cabeceou correctamente após um pontapé de canto e fixou o resultado em 3-0. O derradeiro apito do árbitro Fábio Veríssimo selou o terceiro desaire seguido do Sporting da Covilhã no campeonato, provocando assim uma descida para lugares perigosos da classificação, mas a Segunda Liga só voltará daqui por duas semanas, visto que no próximo domingo o conjunto serrano desloca-se ao estádio do Cesarense para disputar uma eliminatória da Taça de Portugal.

Texto: Eugénio Lopes.

Ficha de Jogo: http://ligaportugal.pt/pt/liga/jogo/20182019/ledmanligapro/5/8

Actualizado em Domingo, 23 Setembro 2018 20:10
 

Comentar


Livro História SCC
.
fa

Livro História do Sporting Clube da Covilhã 1923-1990 disponível para aquisição na Foto Académica, localizada nas Escadas do Quebra Costas n.º 2 - Covilhã

ATLETAS
JOGADORES DE A a Z:
TREINADORES
OUTRAS FIGURAS
ENTREVISTAS
EVENTOS
CONTACTOS
OUTROS
REDES SOCIAIS

face

SPONSOR

Gigarte - Design e Comunicação

ESTATÍSTICA
Visualizações de conteúdos : 1544851